Revista Due

Arquivos da categoria: Health

Receitas sem glúten ou lactose são tema de série de cursos rápidos no Palato Farol

08/09/2014
health

O mês de setembro chega com mais uma novidade para quem busca uma alimentação saudável. Em continuidade ao sucesso do Pocket Show “Lac Free” realizado em julho, o Palato criou uma programação especial de quatro cursos rápidos sem glúten ou lactose.
Dessa vez, os sabores da estação serão apresentados pelos convidados Keny Torres e Carol Vasconcelos, especializados em alimentação funcional e esportiva.

Todas as sextas-feiras do mês, a partir das 18h, eles estarão no primeiro piso do Palato Farol apresentando receitas que garantem dar água na boca, mesmo a quem não é adepto
das comidas naturais.

13330302092014_kenytorres.jpg

O Pocket Show é gratuito e aberto a todos os públicos. Mais informações pelo tel. .

Confira a programação completa abaixo:

05 de setembro: KENY TORRES – Barrinhas de cereal caseira sem glúten e muffin de batata doce

12 de setembro: CAROL VASCONCELOS – Mini-burguers de salmão com couve-flor e salada verde e mousse raw de cacau com chia

19 de setembro: KENY TORRES – Creme termogênico de abóbora e risoto de quinoa

26 de setembro: CAROL VASCONCELOS – Salada cremosa de arroz negro com camarão e creme de banana com avelãs e perfume de canela

Palato Farol: Av. Fernandes Lima, 548 – tel.: 2126-3000

 

MULHERES SÃO O PRINCIPAL ALVO DO HIPERTIREOIDISMO

15/07/2014
health

Hipertireoidismo-Sintomas-3A glândula tireoide é uma das mais importantes do corpo humano, responsável pela produção de hormônios que controlam o metabolismo. Quando há desequilíbrio nessa produção, seja para mais ou para menos, o gasto de energia pelas células apresenta picos desregulados, afetando diversos sistemas do corpo, e desenvolvendo doenças como o hipertireoidismo e o hipotireoidismo. Segundo o IBGE, 15% da população brasileira   sofre   com problemas na glândula. A estudante Paula Borges, de 20 anos, nunca tinha ouvido falar de nenhuma das duas condições médicas relacionadas ao desequilíbrio hormonal tireoidiano quando começou a apresentar os sintomas do hipertireoidismo. “Perdi muito peso num curto período de tempo, comecei a ficar sem força para a academia e com intolerância ao calor. Minha insônia também aumentou consideravelmente”, lembra. Com 14 quilos a menos e sem disposição para exercícios físicos, ela recebeu a indicação de seu pai, que é médico, para procurar uma endocrinologista.

Com exames de sangue, as taxas insuficientes de TSH (hormônio estimulante da tiroide) e a alta dosagem de  tiroxina  (T4) e  triiodotironina  (T3) constaram o diagnóstico. O passo seguinte era respeitar a medicação, administrada por via oral, que reduz a função da tireoide e controla a produção dos hormônios. Fabiano Tenório, endocrinologista do Hapvida Saúde, atenta que a lista de sintomas característicos da doença é bem maior. “Pacientes neste quadro apresentam também taquicardia, tremores nas mãos, transpiração excessiva, falta de apetite, queda de cabelo, irritação, ansiedade e perda de cálcio nos ossos”, pontua ele.

Pré-disposição genética é um fator considerável para o hipertireoidismo, cuja média de indicativo é entre os 30 e 40 anos de idade, com incidência maior no sexo feminino. Ele explica que a doença não leva à morte, entretanto, deixa o paciente dependente de medicação controlada pelo resto da vida. Paula vê essa obrigação como incômoda, porém necessária. “Claro que é chato ter que tomar remédio todos os dias, mas tenho consciência de que a baixa autoestima e os sintomas podem voltar se eu esquecer de tomar. Mas é tão ínfimo comparado a outras condicionalidades. Dá pra viver com isso”, comenta a estudante. Adepta da musculação, interrompida pela indisposição constante, ela retomou as atividades após iniciar a medicação.

Hoje já não sente dificuldades em levantar cargas pesadas e executar movimentos que exijam força, e com auxílio de um profissional de nutrição está seguindo novo plano alimentar que evita nutrientes prejudiciais o quadro, a exemplo do iodo e do sódio. Em seis meses, já recuperou 10 dos 14 quilos liminados desde a manifestação da doença.

 

DESEJO NA GRAVIDEZ: RESPEITAR OU ARRISCAR?

13/06/2014
health

“Certo dia, quando fui à cozinha após acordar, pela manhã, vi a tampa do filtro de barro roída. A cada dia que passava, o dano ficava maior e maior”, lembra a dona de casa Roseneide Moura. O que ela não esperava era encontrar o autor em flagrante quando levantou de madrugada para tomar água. “Para minha surpresa, não era um rato, mas sim minha irmã grávida”, diverte-se.

Assim como a irmã, a dona de casa sentiu desejos esquisitos durante sua única gestação. “O cheiro forte da terra molhada atraía meus sentidos, então eu pegava o tijolo, colocava na água para amolecer um pouco e depois comia como se fosse uma barra de chocolate”, conta ela, que adicionou à lista de cobiças também pitomba verde e cajarana.

O obstetra do Hapvida Saúde, Alexandre Melo, comenta que a adesão de desejos no período gestacional atinge grande parte das mulheres, e são externados também em vontades de isolamento e sexuais, não só de ingestão de alimentos e não-alimentos, como se conhece. “Ainda não existe uma explicação científica para essa alteração, mas trabalhamos com a hipótese de que é motivada pelo organismo pedindo funções ou nutrientes em carência. O barro ingerido pelas irmãs pode representar a deficiência de ferro”, afirma. Essa ação é inconsciente, e a gestante não tem controle sobre ela. Entretanto, degustar coisas não comestíveis pode ser perigoso, provocando, por exemplo, intoxicação. Por isso é importante um acompanho multiprofissional, onde, além do obstetra, psicólogo e nutricionista vão auxiliar para a saúde tanto do bebê quanto da mamãe. “O mais correto, nesses casos, é optar por alimentos que possam substituir os nutrientes em falta. Contudo, se a dieta da gestante já estiver balanceada e for traçada por um profissional de nutrição, é provável que não apresente faltas”, diz Alexandre. “O que acontece é que as mulheres ficam presas à ideia de que tem que comer aquilo e ponto. Existe uma cultura forte em relação a isso, que aponta prejuízos físicos ao bebê, datada do início do século anterior. A criança não vai nascer com cara de reboco de parede se você deixar de comer isso”, orienta ele. Mas observe a balança. O comum é ganhar, em média, de 9 a 12 quilos, mas como a população brasileira é miscigenada, fica a depender do porte e estatura. É um dado muito individualizado que apenas os profissionais que acompanham podem precisar.

hap

A assessora de moda Márcia Brayner é cética quanto à importância dos desejos. “É mito”, afirma, contando que não sentiu essas vontades em nenhuma das duas gestações. “Eu acredito que nesta fase a mulher fica mais vulnerável e procura a atenção e o mimo do companheiro. Esses desejos são uma forma de receber essa devoção que ela tanto precisa, com a intenção de que ele vai fazer tudo o que ela quer para se sentir bem”, opina. De fato, esse é um dos fatores. Pedir que o marido cumpra essas exigências é uma maneira de aproximar o casal e fazer com que ele participe mais da gravidez. “Afinal, o casal é quem engravida e não só a mulher. Com o homem mais presente, a mulher se sente segura, fortalecida e a imunidade melhora em consequência. O embrião também é capaz de sentir as sensações, tanto positivas quanto positivas, criadas externamente”, pontua o obstetra do Hapvida Saúde. Quando a mulher percebe a participação do companheiro, os riscos de desenvolver depressão durante e pós-parto diminuem radicalmente, principalmente naquelas que já têm histórico da condição psicológica. Desejos de manter-se isolada devem ser respeitados sim, mas até o momento em que não apresentem possibilidade de danos à saúde dela e do bebê. “Se for observado um desgaste longo e a permanência em situação de isolamento, a intervenção profissional assume caráter urgente”, indica.

Vida regular, sim

Um dos maiores erros é acreditar que a gestante fica impossibilidade de realizar atos cotidianos. Elas não devem ser limitadas, mas é importante que respeitem os limites para tudo. “A produtividade deve ser mantida e incentivada, afinal, a mulher grávida não é incapaz”, orienta Alexandre Melo.

Como citado anteriormente, os desejos durante esse período tão importante da vida feminina podem ser externados de várias maneiras. Os sexuais são alguns deles. A alteração da libido faz com que o sexo se torne escasso na relação ou que a vontade permaneça em constante atividade. Se a gravidez não for de alto risco, as relações sexuais são liberadas.

Mas, como qualquer coisa na vida, é sempre bom prezar pelo bom senso. “Não devemos apoiar práticas maléficas nem exageros”. Todos vão agradecer um dia.

 

Nutricionista lança site pioneiro em Alagoas

05/02/2014
destaque health

0601 Kenny Torres - Esportista (FB)19Os simpatizantes do universo saudável, que envolve principalmente uma alimentação adequada e exercícios físicos, acabam de ganhar uma novidade: o site Nutri4Sports (www.nutri4sports.com.br), recém-inaugurado e assinado pelo alagoano Keny Torres. Voltado para os praticantes de atividade física, o veículo aborda temas como nutrição e o prazer de comer, além de retratar informações sobre o trabalho inédito do profissional.

 Idealizado para todos – sem restrição de idade ou gênero -, o Nutri4Sports fornece informações sobre estilo de vida saudável e atividade física, desde a infância até a melhor idade. Lá, os interessados podem agendar consultas, tirar dúvidas e dar sugestões, além de conhecer os serviços oferecidos por Keny Torres, como de personal diet, personal nutri chef esportivo, visita às lojas, e outros.

 “A ideia surgiu a partir das necessidades dos meus clientes e do mercado. Ouvia várias queixas dos praticantes de atividade física a respeito da falta do prazer em comer. Alguns deles, por exemplo, não aguentavam mais a monotonia da batata doce e do ovo, alimentos que ajudam bastante na reconstrução muscular. Diante disso, resolvi unir o conhecimento da ciência da nutrição com o que a gastronomia oferece. Direcionei esse meu know how para o esportista que quer obter melhores resultados enquanto se alimenta bem e com prazer.”, afirma Keny Torres, idealizador do projeto.

 Outro destaque do Nutri4Sports é o blog “Monte seu prato em casa”, onde uma equipe de profissionais dá dicas, recomenda receitas e aborda temas acerca de nutrição, gastronomia, saúde e atividade física.

Sobre Keny Torres (CRN6 13130)

Keny Torres é nutricionista, com atuação em suplementação nutricional para praticantes de atividade física desde 2004. Com diversos cursos na área de nutrição esportiva, funcional, gastronomia, personal diet e elaboração de cardápios, desenvolve um trabalho inédito em gastronomia aplicada ao esporte, ajudando os esportistas a terem prazer em comer bem, mantendo o foco e evitando a monotonia alimentar.

Acompanhe Keny Torres nas redes:

Facebook: Nutri4Sports

Instagram: @kenytorresnutricionista

*Crédito das fotos: Felipe Brasil

 

Você pertence à Sociedade B?

24/07/2013
health life-style

Sabe aquela sensação de ser improdutivo? Com sono e preguiça o dia inteiro? Com problemas para chegar ao trabalho no horário por estar sempre atrasado?  Só conseguir dormir de madrugada?  Se algumas das características questionadas acima fizer parte do seu cotidiano talvez você pertença à ‘Sociedade B’. Mas o que seria isso?

A propagação da ‘Sociedade B’ foi realizada pelo instituto B-Samfundet, com sede na Dinamarca e onde os estudos sobre o tema começaram em 2006. A proposta também já também foi introduzida na Noruega, Finlândia e Grã-Bretanha.

O B-Samfundet faz estudos sobre o comportamento produtivo. As pesquisas são de cunho científico onde foram constatados que cada indivíduo tem seu próprio ritmo biológico como uma espécie de “relógio interno” geneticamente determinado.

Segundo as pesquisas, uma “pessoa B” possui um ritmo interno de 25 a 27 horas, enquanto uma “pessoa A” tem um ciclo de 23 horas. As “pessoas B” são mais produtivas no final do dia e têm dificuldades de acordarem de manhã cedo, que é quando as “pessoas A” são mais ativas.

O propósito dos estudos e do movimento é provar que nem todos podem ser enquadrados no modelo comercial de trabalho, ou seja, é um movimento contra a tirania do despertador. Ao mesmo tempo o debate se encaixa na criação de uma sociedade com horários mais flexíveis e maior equilíbrio entre trabalho e lazer. Com isso, geraria uma melhor qualidade de vida.

A solução para quem é ‘B’

Erika Augustinsson, vice-presidente do B-Samfundet, afirmou em uma entrevista para a BBC Brasil, que o objetivo da instituição é acabar com as rígidas disciplinas de horário na sociedade industrial em que todos chegam ao mesmo tempo e saem na mesma hora.

Os países que tiveram a iniciativa já estão solucionando o problema propondo horários diferenciados de trabalho e escolas com período noturno para atender a demanda da ‘Sociedade B’. Entretanto, isso só é possível na Europa. No Brasil ainda teremos que driblar o relógio biológico e sobreviver.

Por Manuela Félix

 

 

Mix de Yoga, Tai-Chi e Pilates reúne alunos em Aula Especial

12/07/2013
health

As pessoas vivem dias corridos, com alimentações desequilibradas e sem tempo para manter a boa forma. Pensando nisso a academia Fit Arena, lança mais uma Arena dos Recordes e nessa oportunidade da modalidade BODY BALANCE, que tem o objetivo de reunir o maior número de praticantes em uma só energia e interação. O evento acontece neste sábado, 13, às 10h.

A academia Fit Arena usa do entretenimento para envolver seus alunos e permitir que eles possam manter a boa forma e perder as calorias indesejadas com muito envolvimento e boas relações. O Arena dos Recordes foi criado para despertar os alunos a praticarem novas modalidades de ginástica, conquistando um condicionamento físico melhor e um aperfeiçoamento interpessoal entre os praticantes. Ela também tem como objetivo reunir o maior número de alunos possíveis na sala de aula, conquistando novos recordes de participação a cada edição. Quem comanda a aula neste sábado, são os professores, Heloísa Alves e Pedro Albuquerque, com o apoio da loja Sapatos.

BODY BALANCE

O programa que trabalha o condicionamento postural e utiliza técnicas de disciplinas como Yoga, Tai-Chi e Pilates, permitindo que o aluno encontre equilíbrio físico e mental. Desenvolvendo força, equilíbrio e flexibilidade através do BODY BALANCE ™ ficando em perfeita harmonia com sua mente. É uma aula que gasta em média 250 a 350 calorias, ajuda a eliminar o estresse auxiliando e facilitando seu controle emocional no dia a dia.

Serviços:

Hora: 10H

Dia: 13/07/2013

Local: Academia Fit Arena

Informações: 3338-3278

Site: www.vocenaarena.com.br

FB: Academia Fit Arena | Instagram: Fit Arena Oficial