Lua de mel: Confira dicas para que a sua viagem seja inesquecível

Um dos momentos mais aguardados pelos recém-casados, a lua de mel tem roubado a cena dos casamentos atuais. Muitos casais têm trocado a festa grandiosa por semanas inteiras de viagens por lugares paradisíacos. Mas a verdade é a seguinte: não importa para onde ou por quanto tempo você vai – uma vida inteira de amor e partilhas começa a ser experimentada em uma viagem de lua de mel.

Origens

Há diversas versões sobre como se originou a lua de mel. Uma delas diz que, na Roma Antiga, o povo espalhava gotas de mel na soleira da casa dos recém-casados. Outra versão afirma que, entre os povos germânicos, era costume casar na lua nova, e os noivos levavam uma mistura de água e mel para beber ao luar. A versão mais antiga é de dois mil anos antes de Cristo: na Babilônia, o pai da noiva oferecia ao genro hidromel, para ser consumido nos 30 dias imediatos ao casamento, quando os noivos comemoravam, só entre eles, a união matrimonial. Na época, a contagem dos dias era feita pelo calendário lunar, razão pela qual esse período de comemoração ficou conhecido como “lua de mel”. Existia a tradição de que os casais recém-casados deveriam consumir essa bebida durante o primeiro ciclo lunar após as bodas para nascer o primeiro filho.

Viagem no tempo

A lua de mel como viagem de recreação, em exclusivo para os noivos, surgiu durante a Belle Époque, e é considerada uma das primeiras formas de turismo massificado, apesar de alguma desaprovação social – pois a lua de mel era vista como o tempo de iniciação sexual da mulher – e dos médicos, que temiam pela saúde frágil das mulheres. Nessa época, as viagens mais populares tinham como destino a Itália e a Riviera Francesa. A lua de mel começava no dia do casamento e os noivos abandonavam a festa para pegar um trem ou navio que os levaria ao destino final.

Foto por NeONBRAND – Unsplash

Atualmente…

Hoje em dia, as opções são inúmeras. Os casais podem escolher, no Brasil, cidades e pousadas localizadas no Sul do país, onde o clima é mais frio e as cidades elegantes, ou as incríveis praias do nosso país. Os que curtem mais badalação costumam escolher climas quentes e lugares exóticos. Se for escolher uma praia brasileira, recomendamos aquelas com clima mais paradisíaco: você terá atividades disponíveis nas cidades próximas e bastante paz para namorar onde estiver hospedado. Fora do país, os destinos mais comuns ainda são Itália e França, mas, com as facilidades de pacotes internacionais, cada casal pode escolher seu destino de acordo com suas preferências e curiosidades.

DICAS

  1. Esqueça as fotos nas redes sociais;
  2. Desconecte-se do celular, conecte-se com o momento;
  3. Trabalho? Só na volta!
  4. Não abuse dos programas individuais;
  5. Evite brigas e reclamações desnecessárias;
  6. Desligue a TV;
  7. Não descuide dos objetos de valor;
  8. Não esqueça o protetor solar.
Foto por Lonely Planet

Tá valendo:

  1. Programar-se com antecedência;
  2. Escolher um lugar que combina com o casal;
  3. Organizar os documentos necessários, principalmente se for para o exterior;
  4. Separe algumas dicas e roteiros para o local;
  5. Não carregue muita coisa;
  6. Não esqueça pelo menos um casaco quentinho;
  7. Faça uma bolsinha com remédios;
  8. Leve algum dinheiro em espécie, e o cartão de crédito para emergências;

A lua de mel é o momento em que o marido e a mulher ficam “enfim, sós” e se amam como dois adolescentes. Não precisa ser em datas estabelecidas, não existem regras. Podemos estar em lua de mel constantemente.

Escrito por
Mais posts por Valná Dantas

Seis cafeterias imperdíveis em Maceió

Somos fãs de café, e a maioria dos nossos leitores também. Por...
Ler Mais