As flores e meu cabelo…

Está chegando a Primavera e em Maceió, chove às vezes e tem mais Sol. Nessa época, eu costumo lavar o cabelo três vezes na semana. Mais calor, mais necessidade de higienizações. Além disso, gosto de levar comigo o cheiro da primavera. Com suas flores, me trazem uma maior conexão com o meu interior. Eu desejo ainda mais a luz e o perfume das flores nessa época. Com a densidade do inverno foi preciso estar mais introspectiva, curti muito a deusa Lua nesses últimos 4 meses que passaram, e agora procuro atividades mais diurnas, embora a Lua e Ser Mulher, andam conectadas infinitamente.

Chegou a Primavera e em mim vem surgindo esse desejo pelo dia.  A luz do deus Sol combina tão bem com Ela… E conosco também. Aceite o Sol: deixe ele repor sua vitamina D e fuja um pouco dos concretos prediais da cidade.

Você anda pensando nisso? Em como é o seu dia, do ponto de vista da Natureza? Há Natureza em seu dia?

Se não, busque-a e se conecte com ela. É assim que eu me conecto comigo mesma. Penso com isso que Natureza e eu, somos uma só.

Ao cuidar do meu cabelo, dou “pause” no mundo “multi-tarefas” que sou, entre ser mãe, esposa, empreendedora, e tenho o meu momento comigo mesma. Com o volume do meu cabelo para cuidar, aceito a minha Natureza.

Meu cabelo traz consigo outros significados também. O principal deles: o Empoderamento. Foi ao ver o meu cabelo com todas as qualidades que poderia ter: hidratação, definição e volume; que eu disse a primeira vez: “Sou linda!”

Sobre as estações, varramos as folhas secas do Outono. O inverno já lavou tantas dores… Agora é hora de se amar mais. Se cuidar, se permitir o descanso, de preferência em contato com a Natureza, ao redor de quem amamos e não esquecendo de estar dentro de si.

Houve alguma dor que não foi lavada? É essa ou essas que você irá anotar. E enquanto estiver lavando o seu cabelo, jogará essa dor ou esse medo pelo ralo afora, várias vezes.  Faz bem cuidar de plantas também e enquanto isso, mentalize os seus sonhos.

Lembre: nossas dores e medos muitas vezes estão só na nossa cabeça.

Você ainda está em busca de significados? Não tem problema.

A busca não é uma reta contínua. Ela encaracola, cacheia. Quando está crespa, sem definição: alimente-a. Hidrate seus sonhos potentemente com pensamentos bons. Somos todos merecedores. Porque a Primavera chegou e agora eu só quero flores em meu cabelo e na minha vida inteira… E desejo o mesmo também a ti.

Você já parou para refletir sobre os significados que seu cabelo tem para você?

Tanta gente passou pela Transição capilar e se não alimentar de significados o processo, quer desistir e voltar a usar químicas transformadoras. É nesse ponto que você pode contar comigo para ajudar você ou alguma amiga, que você acha que precisa me conhecer. Podemos nos encontrar no Assessoria dos Cachos – meu espaço – e até brindar com duas taças de água aromatizada. Se você tem cabelo liso, traga uma amiga cacheada e viva a experiência…

Texto: Tamires Melo
Fotos: Thayana Baracho
Maquiagem: Raiane Borba
Flores: Studio Nature

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.