Oficina do Barista desembarca em Maceió para cursos sobre Cafés Especiais

Nem todo mundo sabe que o café é a bebida mais consumida no mundo, vencendo a cerveja, o leite e até mesmo o vinho. Além disso, o que também muita gente não sabe é que para “tirar” um bom café é preciso muito mais do que grão e água. Visto isso, para mudar esta realidade, o barista Renan Dantas, fundador da empresa “Oficina do Barista”, tem visitado algumas cidades pelo Brasil realizando cursos sobre café. Ele desembarca em Maceió nesta quinta-feira (29) e realiza cursos até o dia 1 de setembro.

 

Ao todo, serão três cursos, além de uma ação especial em Maceió, com valor simbólico e arrecadação de alimentos não perecíveis que serão doados para uma instituição de caridade. As ações acontecem na unidade do Nakaffa da Ponta Verde. De acordo com Dantas, o objetivo do curso é desmistificar e ensinar sobre a bebida tanto para profissionais como para amantes do café.

 

“Os nossos cursos são profissionalizantes e incluem tanto a parte teórica como a prática. Os participantes recebem um material impresso a ser utilizado no próprio curso, que tem a duração entre três até oito horas e, ao final, eles recebem certificado”, explica o organizador.

 

O projeto

A oficina de barista, inclui passar em todos os estados do Brasil e já passou por São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santos, Bahia e Sergipe. “Nossos eventos sempre contam com parcerias e em Maceió encontramos no Nakaffa que nos abraçou. Qualquer pessoa que se interesse pelo tema pode participar do curso, seja o profissional ou o amante de café.

Curso sobre cafés especiais

Dantas reforça que além da paixão pelo café, a oficina de barista tem a preocupação de deixar uma marca social em cada lugar onde realiza a ação. “Em um dos nossos eventos procuramos fazer algo voltado a comunidade. Recolhemos alimentos em troca da entrada para a pessoa participar e doamos para alguma ONG local. Esta é a nossa forma de contribuir com a cidade que estará nos recebendo”, destaca.

 

Os cursos

São quatro ações independentes, divididas entre “Introdução a Cafés especiais”, “Análise Sensorial”, “Curso de Barista Básico”, além do “Cupping”, que nada mais é do que a ação social desenvolvida pelo projeto e que proporciona aos participantes a experiência de fazer uma degustação profissional de café classificando a qualidade dele. “Qualquer pessoa é capacitada para fazer essa degustação. As inscrições são feitas no dia do evento e ele deve durar três horas”, reforça o organizador do evento.

Curso sobre cafés especiais

Análise Sensorial

O primeiro curso será “Análise Sensorial”, ele acontece na sexta-feira, (30), das 9 às 16h. Nele, o aluno aprende uma base estruturada de teoria e prática para aprimorar seus sentidos na hora de provar um café. Os conhecimentos vão desde o que é a análise sensorial, porque ela é importante para o café, fisiologia humana, gostos e aromas básicos, definir gostos e corpo no café e o que é cupping. Há também a degustação de cafés e suas características sensoriais.

 

O Cupping acontece a partir das 19 horas, também na sexta-feira (30). “Cupping é a degustação profissional de cafés que tem o intuito de descobrir as melhores qualidades do café com uma metodologia super rígida. Com isso, iremos fazer passo a passo para quem nunca viu e o objetivo é arrecadar um quilo de alimento por pessoa [podendo levar mais] e iremos reverter para alguma ONG de Maceió”, esclarece Dantas.

Introdução a Cafés Especiais

No sábado (31), será a vez do curso “Introdução a Cafés Especiais”, que acontece das 9 às 12 horas. “Este é um curso para quem sempre quis saber melhor sobre café, mitos e verdades, aprender sobre toda a história e como passar o melhor café em casa. Com isso, falaremos sobre os grãos de café, fundamentos básicos de torra, frescor do café, fundamentos básicos da extração e até sobre principais drinks”, diz o especialista.

Barista básico

Assim, o curso de barista básico acontece no domingo (2), das 9 às 16 horas. Segundo Dantas, este é um curso para quem deseja ser barista ou está em busca de reciclagem. Com isso, é possível aprender um pouco da profissão barista e uma boa base e prática para aplicar no dia a dia. Além de aprender sobre o que é ser barista, o curso trata sobre café especiais e suas diferenças, as diferenças entre arábica e robusta e a importância de usar cafés frescos e até identificação de um bom café.

Curso de cafés especiais

Da mesma forma, a oficina do barista também ensina sobre café espresso, como é máquina e os tipos de moinhos, como fazer a regulagem de espresso e moinhos. Há também um módulo sobre conceito de leite e suas especificações, vaporização de leite e bebida com leite (Cappuccino). Para completar, haverá ensinamentos sobre higiene, saúde e segurança e manutenção de máquinas, moinhos e limpezas.

Sobre Renan Dantas 

Renan Dantas, certificado Barista Skills Professional pela SCA, atuando a mais de 6 anos no ramo como barista e instrutor. Vem da formação de Gastrônomo e Beer Sommelier, resolvendo largar tudo pelo café. Por fim, As inscrições para os cursos variam entre R$ 100 a R$ 400 e as inscrições podem ser feitas diretamente no site http://www.oficinadobarista.com/ O Nakaffa fica na Avenida Deputado José Lages, 395.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.